O HOMEM EM SUA FORMA INDELÉVEL DE EXISTIR

O individualismo extremado tem levado populações inteiras ao irracionalismo e práticas dominantes de governo. O bem comum deve ser sempre superior aos interesses particulares. Sendo o homem um ser social não pode realizar-se completamente sem a sociedade e sem o estado.
Para Tocqueville, Charles-Alexis Clérel de Tocqueville, 1805-1859, pensador e político liberal francês, o espírito democrático pode fazer maravilhas, mas não produzirá mais que um governo sem virtude e sem grandeza, se cada um de seus membros estiver mais preocupado com seus assuntos privados do que com as questões públicas; mais com seus interesses pessoais do que a grandeza do seu estado.
Tocqueville aponta os agrupamentos da sociedade em associações comerciais, industriais, religiosas, políticas, como um meio de reconduzir os homens uns aos outros, obrigando-os a saírem de seus confortos individuais para se ajudarem mutuamente. A partir daí, os homens aprendem a submeter a sua vontade à dos outros e a transformar seus esforços particulares em ação para o bem comum.

Os indivíduos ocupados exclusivamente com coisas de interesses pessoais, se entregam a uma certa cegueira social e esse comportamento gera certa indiferença para com a gestão da coisa pública.Estamos sempre nos perguntando quem será afetado e beneficiado pelos ações do governo e se efeticamente elas não nos atingem, tendemos a ficar alheios à aquilo que diretamente não me diz respeito.
Os laços individuais que mantém os homens ligados em interesses particulares, tendem a romper-se integralmente deixando-os entregues as suas próprias paixões, visto que não são endossados pela vontade comum.

No plano geral a felicidade que se leva as comunidades mais distantes e pobres, deveria refletir positivamente nas cidades mais ricas. A escola que ensina uma criança quase esquecida na Pista do Cabeça, comunidade próxima a cidade de Alta Floresta não produz nenhum sentimento de pertencimento no individuo que vive aqui na capital. A fronteira da comunidade deve abranger, no mínimo, o estado como um todo.
A vida em sociedade é moldada por crises internas, onde os indivíduos lidam com seus conflitos, frustrações e sonhos. Como acontece hoje com os cidadãos de Alto Boa Vista, que se vêem envolvidos numa confusão política inacreditável.(Prefeito cassado, denuncia de fuga, jura de morte…) Mas essa situação produz discussões na comunidade e a cidade deve adotar nova dinâmica para conhecer melhor as intenções individuais de seus políticos e transformá-las na reinvenção do bem comum.
Acolher a vontade outro, a esta somar-se é um passo para buscar solidariamente, em conjunto, o fim comum a todos expresso pela vontade da sociedade. Admitamos que exergamos o homem mais nítidamente quando ele esta inserido na coletividade que ele integra, visto que o bem comum exerce uma subordinação e vínculo real do individuo à comunidade. O interesse público aproxima os homens, o bem comum é o principio dessa união.
É preciso que o estado faça-se sentir em toda parte, que as ações disseminadas se façam sentir em todas as aldeias, em todas as cidades. Que o eco do bem estar distante seja comemorado nas outras partes e que o bem comum da sua cidade seja motivo de comunhão e esperança nas outras comunidades. Representar-se em comunidade é uma forma de unificar as relações entre os seres humanos e o homem há de viver sempre inserido socialmente porque esta é sua forma indelével de existir.
Pensar no bem comum exige de certa forma, uma tendência a sacrificar os interesses pessoais, fortalecer o grupo para ampliar a representação, jubilar-se com a prosperidade alheia e aceitar-se como um sujeito coletivo.
Para entender os interesses comunitários é preciso, segundo Sócrates, certa moderação no apetite pela riqueza individual.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s